Home | | Opiniões ou Questões | Contacte-nos | Intranet | Email Login
Font size A | A | A

 Nota de Imprensa Imprimir



2017 -11 -23 [Voltar]
Abriu hoje em Macau o Congresso Nacional da Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo


Secretário para os Assuntos Sociais e Cultura com a Secretária de Estado do Turismo de Portugal (centro-esq.), o presidente da APAVT (centro-dta), o Cônsul-Geral de Portugal em Macau e Hong Kong, e a directora da DST presidem à cerimónia de abertura do congresso 2. Alexis Tam fala na abertura do congresso

Alexis Tam fala na abertura do congresso

43º Congresso Nacional da APAVT atrai cerca de 650 profissionais de turismo portugueses a Macau

Orquestra da PSP interpreta hino da República Popular da China e de Portugal na abertura do evento

Agentes de viagens do Interior da China, Macau e Portugal exploram oportunidades de turismo multi-destinos
O 43º Congresso Nacional da Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo (APAVT) abriu hoje (dia 23) em Macau, numa cerimónia presidida pelo Secretário para os Assuntos Sociais e Cultura, Alexis Tam. Co-organizado pela Direcção dos Serviços de Turismo (DST) e a APAVT, a realização do congresso em Macau atraiu uma das mais fortes participações de sempre do evento anual da mais representativa associação do turismo português. Nos próximos dias, os congressistas irão debruçar-se sobre temas internos da indústria turística portuguesa e vislumbrar as oportunidades para a dinamização dos fluxos turísticos com Macau e o mercado do Interior da China.

A cerimónia de abertura do 43º Congresso Nacional da APAVT decorreu esta manhã no Centro de Convenções e Entretenimento da Torre de Macau, com intervenções do Secretário para os Assuntos Sociais e Cultura, Alexis Tam, da Secretária de Estado do Turismo de Portugal, Ana Mendes Godinho, e do presidente da APAVT, Pedro Costa Ferreira.

Também presentes na cerimónia de abertura estiveram o Cônsul-Geral de Portugal em Macau e Hong Kong, Vítor Sereno, a directora da DST, Maria Helena de Senna Fernandes, o presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo, membros do Conselho para o Desenvolvimento Turístico, entre outros convidados. Diversas individualidades portuguesas estão também em Macau para participar como oradores nas sessões de trabalho do congresso, incluindo o antigo presidente da Assembleia da República e ex-ministro dos Negócios Estrangeiros de Portugal, Jaime Gama, o antigo ministro da Economia, Augusto Mateus, o administrador da TAP Air Portugal, Diogo Lacerda Machado, o presidente da Confederação do Turismo Português, Francisco Calheiros, entre outros.

Alexis Tam exorta operadores portugueses a aproveitarem oportunidades do turismo multi-destinos na região
O Secretário para os Assuntos Sociais e Cultura, Alexis Tam, assinalou no seu discurso de abertura do evento que, “O Congresso Nacional da APAVT em Macau é uma oportunidade, por excelência, para continuarmos a aprofundar as nossas boas relações e a dinamizar a oferta de pacotes e roteiros turísticos. Mediante a inauguração dos voos directos entre Pequim e Lisboa, com uma ligação a Macau, foi dado um passo histórico que há que aproveitar.

“Macau está ainda integrada na iniciativa de Uma Faixa, Uma Rota e no Planeamento do Desenvolvimento da Região Metropolitana da Grande Baía de Guangdong-Hong Kong-Macau, ambos projectos de desenvolvimento nacional que vão continuar a trazer mais oportunidades e a abrir novos horizontes para Macau e os nossos parceiros. A inauguração para breve da Ponte Hong Kong-Zhuhai-Macau, será mais uma peça fundamental para dinamizar o turismo na região, sobretudo num âmbito de multi-destinos, que há também que tirar partido,” acrescentou.

Por seu lado, o presidente da APAVT, Pedro Costa Ferreira, referiu que “Para a APAVT, efectuar o congresso anual em Macau constitui uma honra e uma alegria, por tudo o que esta região representa, quer para Portugal, quer para o turismo, quer ainda enquanto referência do extraordinário desenvolvimento económico da região que mais influenciará o mundo, nas próximas décadas.”

Macau como plataforma de encontro entre operadores turísticos de Portugal e China
O programa do congresso desta tarde inclui um Workshop China-Portugal em turismo e bolsa de contactos. A sessão irá juntar agentes de viagem portugueses com representantes de cerca de meia centena de agências de viagens de mais de vinte grandes cidades do Interior da China, como Pequim, Guangzhou, Xiamen, Haikou, entre outras. Agências de viagens de Macau também participam no workshop, com as três partes a explorarem oportunidades de negócios num contexto de turismo multi-destinos.

A directora da DST dará as boas-vindas aos agentes de viagem participantes no workshop, com a Secretária de Estado do Turismo de Portugal e o presidente da APAVT, a usarem também da palavra na ocasião para falar aos operadores do Interior da China, Macau e Portugal. Serão também realizadas apresentações sobre as atracções turísticas de Portugal e da província de Guangdong, antes da bolsa de contactos entre os agentes de viagem, tirando partido do papel de Macau como plataforma de incremento de relações de turismo entre a China e os países de língua portuguesa.

Sob o tema “Turismo: A Oriente, tudo de novo!”, a edição deste ano do congresso, que decorre de 23 a 27 de Novembro, atraiu a Macau cerca de 650 profissionais das mais diversas áreas de actividade turística portuguesa, batendo um recorde de adesão na história recente do evento, segundo os registos da APAVT.

As sessões de trabalho do mais importante fórum de debate do turismo português irão debruçar-se sobre o desenvolvimento interno da indústria turística portuguesa e as oportunidades das relações com Macau e regiões vizinhas. O congresso permitirá também aos profissionais do turismo português obter uma actualização em primeira mão sobre as novas infra-estruturas turísticas de Macau, visitar o Centro Histórico de Macau, inscrito na lista do património mundial da UNESCO, e outras atracções emblemáticas da cidade.

Fundada em 1950, a APAVT é a mais representativa associação do turismo português. A reunião magna anual dos operadores turísticos portugueses decorre em Macau pela quinta vez, segunda desde o estabelecimento da RAEM. As anteriores edições do Congresso Nacional da APAVT em Macau decorreram em 1982, 1990, 1996 e 2008.

No ano passado, os governos de Macau e Portugal assinaram um Protocolo de Cooperação no Domínio do Turismo, com o intuito de reforçar a cooperação em vários níveis na área do turismo.

 
Actualizada: 23/11/2017