Home | | Opiniões ou Questões | Contacte-nos | Intranet | Email Login
Font size A | A | A

 Nota de Imprensa Imprimir



2022 -09 -02 [Voltar]
Expo Internacional de Turismo (Indústria) de Macau continua a inovar no décimo aniversário com sete destaques para explorar oportunidades de negócio online e em pessoa


10.ª Expo de Turismo terá lugar entre 23 e 25 de Setembro

Perspectiva do pavilhão de Macau que será instalado pela DST

Perspectiva do pavilhão de Macau que será instalado pela DST

Perspectiva do pavilhão de Macau que será instalado pela DST

Perspectiva do pavilhão de Macau que será instalado pela DST

Perspectiva do Parque de Mak Mak

10.ª Expo de Turismo terá lugar entre 23 e 25 de Setembro (imagem de arquivo)

Expo de Turismo apoiará operadores a explorar oportunidades comerciais (imagem de arquivo)

Zona de demonstração culinária de Cidades Criativas de Gastronomia e Pavilhão da Gastronomia regressam nesta edição (imagem de arquivo)

Expo de Turismo deste ano prossegue com grande sorteio de consumo (imagem de arquivo)

【DST】Vídeo promocional da 10.ª Expo de Turismo

 

A 10.ª Expo Internacional de Turismo (Indústria) de Macau, que terá lugar entre os dias 23 e 25 de Setembro, continuará a progredir e adicionar novos elementos para aprofundar a integração intersectorial de “turismo +”. O certame apresentará sete destaques variados, que incluirão novas áreas de exposição e pavilhões, bem como novos projectos, e voltará a decorrer num formato online e presencial para apoiar os operadores turísticos a explorar oportunidades de negócio.

 

1. Enriquecimento das iniciativas “em nuvem” para ajudar empresas a explorar oportunidades de negócio online
Este ano foram introduzidas “Sessões de recrutamento em nuvem”, realizadas anteriormente para atrair a participação na expo de compradores e expositores de diferentes sectores e regiões. Haverá “Promoções em nuvem”, que contarão com a participação de mais de 20 entidades e outras empresas de turismo nacionais e do estrangeiro, para apresentar os recursos turísticos dos destinos. “Transmissões ao vivo em nuvem”, que contarão com mais de 10 plataformas de comércio electrónico e redes sociais para apoiar os expositores na promoção dos seus produtos e na “transmissão ao vivo de venda de produtos”. As “Bolsas de contacto em nuvem” e “Assinatura de acordos em nuvem” serão mais aprofundadas, com o número de dias para as “Bolsas de contactos em nuvem” alargado para quase o dobro este ano, para proporcionar aos expositores e aos compradores mais tempo de interacção antes e depois do certame, fomentando mais negociações e assinatura de contractos.

 

2. Estreia de Pavilhão da Lusofonia mostrará diversidade cultural, desempenhando papel de plataforma entre a China e os Países de Língua Portuguesa
O Pavilhão da Lusofonia será instalado pela primeira vez no certame, contando com a participação de comunidades de diferentes países de língua portuguesa residentes em Macau, que trarão produtos artesanais, espectáculos com música e dança, e gastronomia característicos destes países, desempenhando o papel de Macau como platasforma entre a China e os países de língua portuguesa. O Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau organizou também a participação na expo de representantes locais de produtos alimentares dos países de língua portuguesa e empresas de Macau. E o Secretariado Permanente do Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa (Macau) instalará mais uma vez este ano um pavilhão e realizará a habitual Sessão de Apresentação dos Produtos Turísticos dos Países de Língua Portuguesa.

 

3. Aproveitar vantagens das cinco Cidades Criativas de Gastronomia para promover o intercâmbio e inovação da cultura gastronómica
A expo será palco de intercâmbio culinário entre chefes de renome das quatro Cidades Criativas de Gastronomia do Interior da China – Chengdu, Shunde, Yangzhou, Huai’an – e Macau, incluindo chefes de renome de restaurantes de Macau das listas Michelin e Pérola Negra, que realizarão mais de 20 demonstrações culinárias ao vivo na Cozinha da Cidade de Gastronomia da expo. Este ano será novamente erguido o Pavilhão da Gastronomia, com a participação de empresas do sector de restauração características de Macau. Através das “transmissões ao vivo de venda de produtos”, serão ainda promovidas ofertas especiais de produtos gastronómicos, para mostrar a atracção de Macau como Cidade Criativa de Gastronomia da UNESCO.

 

4. Zona de Cooperação Aprofundada participa pela primeira vez para expandir cooperação turística entre Hengqin e Macau
A Zona de Cooperação Aprofundada entre Guangdong e Macau em Hengqin criará pela primeira vez uma área de exposição no certame, para apresentar o planeamento turístico e desenvolvimento de infra-estruturas relacionadas da Zona de Cooperação, bem como organizará visitas de intercâmbio e familiarização ao terreno em Hengqin para participantes do certame, destinadas a exploração de cooperação para “roteiros multidestinos” de turismo, e perspectivas de desenvolvimento do novo formato “uma conferência, dois destinos” e “uma exposição, dois destinos”.

 

Por outro lado, sob a orientação do Gabinete para os Assuntos de Hong Kong, Macau e Taiwan do Ministério da Cultura e Turismo da República Popular da China, decorrerá durante o certame um Fórum de Alto Nível sobre o Desenvolvimento do Turismo da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau 2022, organizado pela Aliança para o Desenvolvimento de Macau como uma Base de Ensino e Formação em Turismo da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau e pela Academia de Turismo da China (Centro de Dados do Ministério da Cultura e Turismo). Sob o tema “Construção da Zona de Cooperação Aprofundada e desenvolvimento de um centro”, o fórum discutirá sobre como aproveitar as oportunidades de desenvolvimento da Zona de Cooperação Aprofundada entre Guangdong e Macau em Hengqin, integrar as vantagens culturais e turísticas de Hengqin e Macau, e impulsionar o desenvolvimento de Macau como um centro mundial de turismo e lazer.

 

5. Aprofundar a integração sectorial de “turismo + cultura e criatividade” e promover a elevação da qualidade do consumo cultural e turístico
Em articulação com o desenvolvimento do Centro de Preservação e Transmissão do Património Cultural do Museu do Palácio de Macau e com vista a promover Macau como uma base de intercâmbio e cooperação que, tendo a cultura chinesa como dominante, promove a coexistência de diversas culturas, a Expo de Turismo receberá, pela primeira vez, a participação do Museu do Palácio de Pequim, que trará mais de uma centena de produtos culturais e criativos característicos, nomeadamente da série de “Um Panorama dos Rios e das Montanhas”, e convidará especialistas em restauro de edifícios antigos para demonstrarem no local as suas técnicas património cultural imaterial. A escala da Zona Cultural e Criativa e do Parque Mak Mak será aumentada, com vista a aprofundar a integração intersectorial de “turismo + cultura e criatividade”.

 

6. Conjugar esforços com a indústria turística local para dinamizar o turismo e a economia
A zona de exposição da indústria turística de Macau, além continuar a estar representada na “Rua de Macau”, este ano trará pela primeira vez a “COTAI Strip”, onde seis empresas de turismo e lazer de Macau instalarão stands especiais para promover pacotes e serviços hoteleiros de qualidade. Expositores na “Rua de Macau” promoverão e venderão também excursões e experiências em hotéis dos “Passeios, gastronomia e estadia para residentes de Macau”, roteiros turísticos seleccionados, diversos produtos de turismo cultural com desconto, produtos típicos fabricados em Macau, e expandirão os canais de venda online através das “transmissões ao vivo de venda de produtos”.

 

O programa de “Passeios, gastronomia e estadia para residentes de Macau” lançará ainda um roteiro temático da Expo de Turismo, com duração limitada ao período do certame, de 23 a 25 de Setembro, convidando-se os residentes de Macau a inscreverem-se. Mais informações disponíveis em: https://www.macaotourism.gov.mo/pt/article/subsidies/macao-tour-hotel. Para assinalar o décimo aniversário da Expo de Turismo serão lançados, durante os três dias do certame, roteiros temáticos de “Passeio de 10 patacas pelas zonas comunitárias”, para incentivar os residentes a experienciar as características da comunidade.

 

7. Forjar destino de turismo de casamentos e desenvolver “economia de celebrações nupciais”
O Pavilhão Macau como Destino de Casamento, será outra das novidades, e contará com a participação de mais de dez empresas de celebração de casamentos do Interior da China e de Macau. Em simultâneo, serão organizadas sessões de bolsas de contacto entre compradores da indústria de turismo de casamentos de diferentes regiões do Interior da China e expositores da expo. Durante a Expo de Turismo serão organizados grupos de visitas de familiarização a locais de turismo de celebração de casamento, para reforço de ligações directas entre os operadores da indústria de turismo de casamentos e promover o turismo de casamento do Plano de Apoio ao Turismo. Cooperar-se-á com a Associação Comercial Federal da Indústria de Convenções e Exposições de Macau na organização do 2.o Fórum de Macau como Destino de Casamentos, para desenvolver em conjunto Macau como um destino de turismo de casamentos.

 

Consumo de 300 patacas ou mais permite participar em sorteio
Durante a Expo de Turismo será realizado um grande sorteio de compras no Parque de Mak Mak. Quaisquer produtos adquiridos no local no valor de 300 patacas ou mais, habilita a participar no grande sorteio e obter prémios requintados.

 

Os visitantes com marcação prévia através da página electrónica da Expo de Turismo (www.mitexpo.mo), ao apresentarem o código QR da marcação à entrada do certame, receberão um certificado de consumo de 10 patacas, que contará para a quota de consumo para entrar no sorteio no Parque de Mak Mak. Entre os dias 16 e 25 de Setembro, será ainda lançado um jogo online de “Agitar para entrar no património mundial”, usando a função de reconhecimento de realidade aumentada (RA) para simular a experiência de estar em pontos de atracção, incluindo em Macau e dez sítios turísticos famosos no exterior. Basta os utilizadores conseguirem obter uma atracção de Macau através de RA para beneficiarem dum certificado de consumo de 40 patacas, que contará igualmente para a quota de consumo para entrar no grande sorteio. Os primeiros 4.000 participantes podem ainda escolher a fotografia do destino preferido, e dirigir-se ao Pavilhão da DST para imprimir em formato de cartão postal. Os certificados de consumo referidos só podem ser usados para efeito de acumulação numerária para participar no sorteio.

 

Sessão com influenciadores de gastronomia do “2.o Plano de incubação para líderes opinião de viagens de Macau” durante a expo
A segunda edição do “Plano de incubação para líderes de opinião de viagens de Macau”, organizado pela DST e co-organizado pela Associação de Transmissão Directa de Macau, realizará no dia 25 de Setembro durante a Expo de Turismo uma sessão de partilha de talento com influenciadores digitais de gastronomia convidados do Interior da China e Macau. Os detalhes e perído de inscrição da edição do “2.o Plano de incubação para líderes de opinião de viagens de Macau” serão anunciados em breve.

 

Para mais informações sobre o programa das atracções e actualizações, visitar a página electrónica da Expo Internacional de Turismo (Indústria) de Macau em www.mitexpo.mo, ou a página no Facebook e a conta no WeChat do evento.

Actualizada: 02/09/2022