Home | | Opiniões ou Questões | Contacte-nos | Intranet | Email Login
Font size A | A | A

 Nota de Imprensa Imprimir



2021 -08 -25 [Voltar]
DST prossegue com promoções para convidar visitantes do Interior da China a vir a Macau


Trabalhadores do balcão de Informações Turísticas da DST nas Portas do Cerco distribuem brochuras do turismo de Macau aos visitantes

Trabalhadores do balcão de Informações Turísticas nas Portas do Cerco dão as boas vindas aos visitantes

Divulgações da DST em várias plataformas electrónicas

Divulgações da DST em várias plataformas electrónicas

Divulgações da DST em várias plataformas electrónicas

Na sequência do anúncio divulgado segunda-feira (dia 23) pelo Centro de Coordenação de Contingência do Novo Tipo de Coronavírus, que a partir das 00h00 de hoje (dia 25), os indivíduos que saiam e entrem em Macau através dos postos fronteiriços da Província de Guangdong (Cantão) e Macau, passam a ter de ser portadores do certificado negativo do teste de ácido nucleico para a COVID-19, emitido nos últimos sete dias, a Direcção dos Serviços de Turismo (DST) está a divulgar activamente a informação para convidar visitantes do Interior da China a vir a Macau.

 

No dia em que o anúncio foi feito, a DST disseminou de imediato a informação através do WeChat, Weibo, Xiaohongshu e Douyin, prosseguindo ao mesmo tempo com esforços promocionais, incluindo a divulgação de descontos para obter vouchers para hotéis e bilhetes de avião, logrando de boa reacção dos cibernautas, que mostraram entusiasmo em visitar Macau. Por outro lado, os trabalhadores do balcão de Informações Turísticas da DST nas Portas do Cerco estão a distribuir brochuras sobre o turismo de Macau, incluindo os “Roteiros turísticos seleccionados”, e a dar as boas vindas aos visitantes, com o ecrã do balcão a divulgar em simultâneo um vídeo com a informação de que os indivíduos que saiam e entrem em Macau através dos postos fronteiriços de Guangdong e Macau, precisam agora de ser portadores do certificado negativo do teste de ácido nucleico, emitido nos últimos sete dias. A DST está ainda a reforçar a promoção de Macau como cidade saudável, segura e apropriada para visitar através de um programa da televisão de Guangdong.

 

O Centro de Coordenação de Contingência do Novo Tipo de Coronavírus informou no passado dia 23 que a partir das 00h00 de 25 de Agosto, todos os indivíduos que saiam e entrem em Macau através dos postos fronteiriços da Província de Guangdong devem ser portadores do certificado negativo do teste de ácido nucleico para a COVID-19, emitido nos últimos sete dias, revogando a decisão anterior de exigir o teste emitido nas últimas 48 horas. Os requisitos para a apresentação de certificado negativo do teste de ácido nucleico para pessoas que entrem e saiam por outros postos fronteiriços mantém-se.

Actualizada: 25/08/2021