Home | | Opiniões ou Questões | Contacte-nos | Intranet | Email Login
Font size A | A | A

 Nota de Imprensa Imprimir



2007 -09 -17 [Voltar]
Agentes de viagem de Hong Kong realizam reunião anual em Macau


Director da DST fala a mais de 300 agentes de viagem de Hong Kong no Venetian

Número recorde de participantes na reunião anual de agentes de viagem de Hong Kong
O Venetian acolheu hoje a 35a Convenção Anual Internacional da Associação de Agentes de Viagem de Hong Kong em Macau, que contou com a participação recorde de mais de 300 membros, representantes de cerca de uma centena de agências de viagem das duas cidades.

Num discurso de boas vindas aos participantes, o director da Direcção dos Serviços de Turismo (DST), João Manuel Costa Antunes, disse que Macau entrou numa nova era, sublinhando que, para manter o actual sucesso, a qualidade dos serviços de turismo prestados tem de ser uma prioridade de topo.

"A indústria do turismo de Macau está em pleno florescimento. Nós trabalhamos muito para alcançar aquilo que estamos a testemunhar agora: a diversificação do produto turístico. Macau tem hoje uma oferta turística que justifica vários dias de visita", assinalou Costa Antunes. Ao mesmo tempo, o director da DST enfatizou que, nesta altura de forte crescimento, a qualidade dos serviços deve ser uma prioridade da indústria turística, de forma a cativar os turistas a repetirem e prolongarem o seu tempo de estadia em Macau.

"O actual sucesso não ocorreu de um dia para o outro", assinalou o responsável, indicando que tal é o resultado de muitos anos de trabalho, sobretudo no que se refere à inscrição do Centro Histórico de Macau na UNESCO e ao desenvolvimento da indústria de convenções e exposições. Ao nível dos planos para o desenvolvimento do sector de convenções e exposições, Costa Antunes indicou que, em Abril de 2006 foi criado o Centro de Turismo de Negócios, sob a tutela da DST, para desempenhar funções semelhantes aos Bureaux de Convenções de muitas cidades e países.

A presidente da Associação de Agentes de Viagem de Hong Kong (HATA, da sigla em inglês), Lily Agonoy, disse à plateia de profissionais de turismo que esta é a altura ideal para organizar a reunião anual da organização em Macau.

"Nós escolhemos Macau devido ao rápido desenvolvimento da fascinante indústria do entretenimento e turismo que temos testemunhado. Com o tema da nossa convenção 'Macau: Amigo ou inimigo?' pretendemos explorar oportunidades de colaboração de negócios na área de turismo de lazer e MICE com os nossos parceiros de Macau," referiu Lily Agonoy.

Entre os convidados, a convenção contou também com a presença da subdirectora da DST, Maria Helena de Senna Fernandes, o presidente da Venetian Macau Resort Hotel, Mark Brown, a Vice-Presidente de Marketing da Venetian, Aliana Ho, a par com Eva Lou, membro da Comissão de Apoio ao Desenvolvimento Turístico de Macau, o director executivo da Air Macau, David Fei, entre outros convidados.

De Hong Kong vieram, entre outros, o vice-presidente da HATA Paul Leung, o presidente da convenção internacional anual da HATA, Jason Shum, o director executivo da Federação de Proprietários de Hotéis de Hong Kong, Michael Li JP, o director da Swire Travel Service, Andrew Leung, a vice-directora-geral da Shun Tak - China Travel Ship Management, Anna Hong e o vice-presidente da Associated Tours, Ken Chang.

Este ano, a HATA comemora o seu 50o aniversário e escolheu Macau para assinalar a data. A HATA conta 260 membros, representantes de 70 por cento das agências de viagem de Hong Kong. Em 1972, a HATA realizou a sua primeira reunião anual internacional em Macau.