Home | | Opiniões ou Questões | Contacte-nos | Intranet | Email Login
Font size A | A | A

 Nota de Imprensa Imprimir



2008 -11 -27 [Voltar]
Governo planeia voo charter para residentes de Macau na Tailândia
(Fonte: Gabinete de Gestão de Crises do Turismo no Exterior)

O Governo da RAEM já encetou conversações com a Air Macau para efectuar um voo charter que permita transportar os residentes que se encontram na Tailândia de volta ao território.

O Gabinete de Gestão de Crises do Turismo no Exterior (GGCTE) está a seguir com atenção a evolução dos acontecimentos e, ao final da tarde, deu início aos planos de contingência para discutir os procedimentos que permitam transportar os residentes de Macau que se encontram retidos na Tailândia de volta ao território. Uma das possibilidades em cima da mesa é a realização de um voo charter e, nesse sentido, já foi estabelecido o diálogo com a Air Macau.

O Governo da RAEM apela a todos os que tenham conhecimento de qualquer residente de Macau de visita à Tailândia que os informem dos procedimentos em curso, pedindo que liguem para a linha directa de apoio aos turistas e procedam aos arranjos necessários para regressar a Macau.

Os residentes de Macau e visitantes que precisem de assistência podem contactar a linha directa de apoio aos turistas através do número 2833 3000 ou a linha directa do escritório de representação da Direcção dos Serviços de Turismo em Banguecoque, através do (66) 81-8041788 ou (66) 81-7925107, para ligações do exterior. Para ligações feitas a partir da Tailândia, ligar 081-8041788 ou 081-7925107. Todas as linhas directas estão em funcionamento 24 horas. Podem também contactar a Embaixada da República Popular da China na Tailândia, através dos números (66) 8182 14771 e (66) 8198 40658. 

O GGCTE vai continuar a acompanhar a situação de perto. Até à meia-noite de dia 27 de Novembro, o gabinete recebeu quatro pedidos de informações.