Home | | Opiniões ou Questões | Contacte-nos | Intranet | Email Login
Font size A | A | A

 Nota de Imprensa Imprimir



2008 -11 -28 [Voltar]
Voo charter transporta amanhã residentes de Macau retidos na Tailândia
(Fonte : Gabinete de Gestão de Crises do Turismo no Exterior)


GGCTE reunido esta manhã

O Governo da RAEM vai providenciar um voo charter para transportar os residentes de Macau que se encontram retidos na Tailândia de volta ao território, amanhã (dia 29 de Novembro), às 14h00 (hora tailandesa).

O Gabinete de Gestão de Crises do Turismo no Exterior (GGCTE) realizou uma reunião hoje de manhã (dia 28 de Novembro), na qual foi debatida a ajuda aos residentes de Macau que se encontram retidos no aeroporto de Banguecoque devido ao encerramento do referido aeroporto. Logo após a reunião, o GGCTE revelou que o Governo da RAEM já fretou um avião (Airbus A321) à Air Macau, aeronave que permitirá transportar de volta os residentes que se encontram naquele país. O avião irá levantar voo do Aeroporto U-Tapao, na Tailândia, amanhã, às 14h00 (hora tailandesa), sendo todos os encargos suportados pelo governo.

Até ao momento, quatro grupos turísticos de Macau, com mais de 120 turistas, já entraram em contacto com o GGCTE, tendo-se já começado a deslocar de Banguecoque para o Aeroporto U-Tapao, em colaboração com as respectivas agências de viagem.

Para proceder aos devidos arranjos para o regresso a Macau, inclusive a confirmação de um lugar no voo charter, os turistas individuais da RAEM que ainda se encontrem na Tailândia podem ligar para os seguintes números: Linha de Apoio em Banguecoque: 66-81-8041788 e 66-81-7925107 (do exterior da Os residentes que já tenham confirmado os seus lugares no voo charter e precisem de transporte para o Aeroporto U-Tapao, podem concentrar-se, às 07h30 (hora tailandesa), no seguinte endereço:

Macau Government Tourist Office
Pacific Leisure (Thailand) Ltd,
Parking Lot, ground floor of Maneeya Center,
518 / 5 Ploenchit Rd.,
Lumpini, Prathumwan BKK 10330, Thailand

Contacto: 081-8041788, 081-7925107, 089-9388021 e 084-7711051

No caso de precisarem de ajuda, podem também contactar a Embaixada da República Popular da China na Tailândia, através dos números 66-22-457044.

O GGCTE continuará a acompanhar a situação de perto e prestará apoio aos residentes retidos na Tailândia. Até ao momento, este gabinete recebeu dez pedidos de informação.