Home | | Opiniões ou Questões | Contacte-nos | Intranet | Email Login
Font size A | A | A

 Nota de Imprensa Imprimir



2003 -06 -05 [Voltar]
Colaboração entre Guangdong, Hong Kong e Macau na Recuperação do Turismo

Colaboração entre Guangdong, Hong Kong e Macau na Recuperação do Turismo
- Primeira Conferência Cimeira em Cantão sobre a cooperação turística entre os três locais depois da OMS ter levantado as restrições turísticas a Guangdong e Hong Kong


Recentemente, após a Organização Mundial de Saúde (OMS) ter levantado as restrições turísticas a Guangdong e a Hong Kong, a Administração Nacional de Turismo da R. P. da China (CNTA) anunciou que Guangdong voltou a organizar excursões a Hong Kong e a Macau em Junho.

Em consequência desta medida, as actividades ligadas ao sector do turismo nos mercados de Guangdong, Hong Kong e Macau estão já em recuperação. Nos últimos dias, verificaram-se diversas excursões de grupos turísticos de Guangdong a Hong Kong e a Macau, bem como, de Hong Kong e de Macau à Província de Guangdong.

No sentido de reforçar a interacção entre os três locais, favorecendo a recuperação de actividades turísticas, os responsáveis pelos serviços de turismo de Guangdong, Hong Kong e Macau encontraram-se no Hotel "White Swan" de Cantão, para desenvolver uma conferência cimeira de cooperação turística.

Durante a conferência, as três partes estudaram todas as medidas tomadas e a tomar na região, durante e depois do surto da Síndroma Respiratória Aguda Severa (SRAS).

As três partes manifestaram satisfação e agrado aos governos e serviços pelas atitudes e medidas tomadas no âmbito da recuperação do turismo. Concordaram com as instruções de segurança turística dadas pelos serviços responsáveis, bem como estabeleceram uma "Task Force" para coordenar a prevenção da SRAS no sector do turismo, composta pelas entidades da administração turística de Guangdong, Hong Kong e Macau.

Neste termo, os serviços responsáveis pelo turismo de cada uma das partes, deve sensibilizar e colaborar na implementação das recomendações para a prevenção da SRAS junto das agências de viagens, e deve inspeccionar e averiguar a sua prática junto dos grupos turísticos, aconselhando a escolha de estabelecimentos hoteleiros, restaurantes, companhias de transportes turísticos e pontos turísticos de melhor condição em segurança e higiéne. Deste modo, tenta-se assegurar de uma forma sistemática a saúde e segurança dos turistas, evitando a propagação da SRAS através das actividades turísticas na região.
As três partes, revelaram ainda, preocupações sobre alguns actos de competição viciosa existentes no mercado, que diminuem a qualidade dos serviços para poder oferecer preços reduzidos. Qualquer incidência resultante destes actos, será alvo de aplicação de punição com severidade às agências de viagens envolvidas por parte das autoridades competentes. Esta medida tem por objectivo assegurar o bom funcionamento do mercado turístico entre os três locais no início da recuperação da organização do turismo de grupos.

As três partes estudaram também as medidas necessárias para que os serviços de turismo e os agentes turísticos implementem e respeitem as prevenções da pneumonia atípica, no sentido de assegurar a saúde dos turistas. Assim, as precauções de prenvenção da SRAS no âmbito das viagens turística em grupo devem incluir o seguinte:
1. Informação sobre o hospital local que trata doentes com pneumonia atípica, incluindo nome, endereço e número de telefone da clínica de consultas.
2. Clara definição sobre as instruções locais para isolar e curar os doentes verificados ou suspeitos de SRAS.
3. Clara definição sobre as instruções para observar e tratar pessoas que apanhem o mesmo transporte que um doente verificado ou suspeito de SRAS.
4. As agências de viagens devem incentivar os seus clientes a comprar um seguro turístico que inclue responsabilidade pelo risco de SRAS, devendo as mesmas assinar contrato de responsabilidades turísticas de acordo com os regulamentos locais.

Para activar o turismo entre Guangdong, Hong Kong e Macau, e promover o intercâmbio de turistas, as três partes decidiram organizar em conjunto, o intercâmbio de visitas do sector turístico e dos órgãos de comunicação social nos meados de Junho, bem como, promover a "Plataforma de Intercâmbio Turístico entre Guangdong e Hong Kong" na Cidade de Shenzhen, no final de Junho. Posteriormente, em Julho, as instituições promotoras do turismo dos três locais irão organizar uma grande promoção tuística de Guangdong, de Hong Kong e de Macau em Cantão, incentivando os residentes de Guangdong a visitarem Hong Kong e Macau. Quando o surto da SRAS estiver de facto desaparecido, as três partes reforçarão a recuperação dos mercados turísticos comuns no mundo, através da participação nas feiras internacionais de turismo. Por outro lado, irão convidar os operadores turísticos e órgãos de comunicação social de alguns mercados externos para visitar Guangdong, Hong Kong e Macau em ocasião oportuna da segunda metade deste ano.

As três partes irão reforçar o estabelecimento da Plataforma de Informação Turística de Guangdong, Hong Kong e Macau, aproveitando simultaneamente os efeitos promocionais que a referida plataforma oferece. Por outro lado, as três partes aperfeiçoarão a ligação e o intercâmbio de informação turística, através da intensificação de contactos com os consumidores, lançando oportunamente as informações turísticas mais recentes e promovendo os produtos turísticos.