Home | | Opiniões ou Questões | Contacte-nos | Intranet | Email Login
Font size A | A | A

 Nota de Imprensa Imprimir



2003 -07 -30 [Voltar]
DST cria balcão de informação turística na fronteira das Portas do Cerco

A partir do dia 28 do corrente mês, os habitantes das quatro cidades da Província de Guangdong, nomeadamente Zhongshan, Donggun, Jiangmen e Foshan, podem visitar Hong Kong e Macau, no âmbito do programa "Free Independent Traveler". A Direcção dos Serviços de Turismo (DST) congratula-se com a decisão, e acredita que esta medida poderá contribuir para promover o desenvolvimento do sector de turismo local.

Relativamente a este novo sistema turístico, a DST tomará medidas de resposta adequadas tais como acompanhar o número de entrada de visitantes provinientes das quatro cidades supracitadas e os números estatísticos do Departamento de Migração, para além de manter os laços mais estritos com a Província de Guangdong. Por outro lado, o trabalho de prevenção de doença nas fronteiras continua a ser assegurado pela Direcção dos Serviços de Saúde.

Desde a reabertura do programa "Excursão a Macau" em Junho e a reorganização de excursão de grupo em 9 do corrente mês, a DST inicia logo as actividades promocionais, nomeadamente a recepção das delegações turísticas da China, de cerca de 400 pessoas, que contribuirá para a promoção do território na China, atraindo mais visitantes para virem a Macau.

Mais ainda, para acompanhar esta nova política de viagem a Hong Kong e Macau, FIT, a DST criará a 1 de Agosto próximo, balcão de informação turística na fronteira das Portas do Cerco para atender os visitantes provenientes da China.

A Província de Guangdong tem vindo a ser um mercado turístico importante, ocupando um terço do fluxo turístico da China, e sendo permanente o intercâmbio turístico entre esta Província e Macau. Com a aplicação deste novo sistema turístico, FIT, haverá mais residentes da Província de Guangdong a visitar Macau, favorecendo assim o desenvolvimento do sector do turismo de Macau.