Home | | Opiniões ou Questões | Contacte-nos | Intranet | Email Login
Font size A | A | A

 Nota de Imprensa Imprimir



2021 -12 -04 [Voltar]
“Festival de Luz de Macau 2021 - Viajantes de Marte” inaugura viagem fantástica pelas zonas comunitárias de Macau


Lançamento do “Festival de Luz de Macau 2021 – Viajantes de Marte” e da “Gala de Drones Brilha sobre Macau”

Maria Helena de Senna Fernandes profere discurso na cerimónia de abertura

“Sabor Original de Macau” exibido no Centro de Ciência de Macau, novo local experimental de exibição de espectáculos de vídeo mapping

A cerimónia de lançamento do “Festival de Luz de Macau 2021 - Viajantes de Marte”, que arranca em conjunto com um outro evento organizado pela Direcção dos Serviços de Turismo (DST), a “Gala de Drones Brilha sobre Macau”, teve lugar hoje (dia 4), ao fim da tarde, na marginal do Centro de Ciência de Macau, oferecendo aos residentes e visitantes uma viagem rica e empolgante por Macau.

Presidiram à cerimónia de ignição, que marcou o arranque do “Festival de Luz de Macau 2021 - Viajantes de Marte” e da “Gala de Drones Brilha sobre Macau”, a directora da DST, Maria Helena de Senna Fernandes, o director da Direcção dos Serviços de Economia e Desenvolvimento Tecnológico, Tai Kin Ip, o director Interino da Direcção dos Serviços de Assuntos de Subsistência da Zona de Cooperação Aprofundada entre Guangdong e Macau em Hengqin, Huang Yujie, a vice-presidente do Instituto Cultural, Cheong Lai San, a vice-presidente do Instituto do Desporto, Lam Lin Kio, a chefe do Departamento dos Assuntos Culturais e Recreativos e de Educação Cívica do Instituto para os Assuntos Municipais, Patsy Ko Pui San, o chefe da Divisão de Divulgação e Promoção da Direcção dos Serviços de Assuntos Marítimos e de Água, Ng Chan Teng, o curador do Centro de Ciência de Macau, Sio Hon Pan, e a presidente da Comissão Executiva da TDM - Teledifusão de Macau, S.A., Lorman Lo.

Integração intersectorial de “turismo + cultura e criatividade” para promover a economia comunitária

Ao discursar na ocasião, Maria Helena de Senna Fernandes referiu esperar que o Festival de Luz de Macau, que se realiza já pelo sétimo ano consecutivo, e tem sido muito bem acolhido pelos residentes e visitantes, a par com a “Gala de Drones Brilha sobre Macau”, que é um evento organizado pela primeira vez pela DST, produzam um efeito adicional para atrair mais residentes e visitantes a percorrerem e consumirem nos diferentes bairros comunitários, enriquecendo a experiência turística, bem como contribuindo para o aprofundamento da integração intersectorial do “turismo + cultura e criatividade”, beneficiando, ao mesmo tempo, as lojas dos bairros e promovendo a economia nocturna e comunitária.

Festival de Luz de Macau entra nos bairros comunitários

O “Festival de Luz de Macau 2021 - Viajantes de Marte” tem lugar entre 4 de Dezembro de 2021 e 2 de Janeiro de 2022, das 19h00 às 22h00 (com o último espectáculo de vídeo mapping de cada noite a começar às 21h50), para trazer animação e energia positiva aos residentes e visitantes, e destacar a imagem de Macau como uma cidade saudável e apropriada para visitar. Instalações de luz, jogos interactivos e espectáculos de vídeo mapping iluminam a Zona Nova de Aterros do Porto Exterior (NAPE), Zona de Nam Van, Zona Norte, Zona da Praia do Manduco, Zona do Centro, Taipa e Coloane, com um total de 17 pontos em sete roteiros.

Quatro espectáculos de vídeo mapping estão a ser realizados por equipas de Macau, Hengqin, Changsha e Tóquio, projectados em edifícios e pontos de atracção turística:

1. Centro de Ciência de Macau: “Sabor Original de Macau”, por uma equipa oriunda de uma das Cidades Criativas da UNESCO em Artes e Média - Changsha;

2. Largo do Pagode do Bazar, na Zona do Centro: “Nós”, apresentado pela Direcção dos Serviços de Assuntos de Subsistência da Zona de Cooperação Aprofundada entre Guangdong e Macau em Hengqin;

3. Largo dos Bombeiros, na Taipa: “GLID”, por uma equipa criativa de Tóquio. Embora não tenha podido deslocar-se pessoalmente a Macau devido à pandemia, a equipa enviou os trabalhos de vídeo mapping criados através da internet, e a entidade co-organizadora de Macau apoia na realização da projecção, fornecendo equipamentos e pessoal técnico;

4. Capela de São Francisco Xavier, em Coloane: “Em Pares”, por uma equipa criativa de Macau.

Mais detalhes do programa do evento podem ser obtidos na página electrónica da DST do Festival de Luz de Macau 2021 (mlf.macaotourism.gov.mo/index_en.html) e através da conta oficial no WeChat.

Medidas de prevenção epidémica

O Festival de Luz de Macau 2021 adopta uma série de medidas de prevenção pandémica. Foi criada área de entrada e saída para aceder ao festival, e há controlo do fluxo de pessoas. O público deve fazer fila para entrar conforme a situação no local, tem de exibir o Código de Saúde de Macau de cor verde válido, submeter-se à medição da temperatura corporal, manter uma distância social de um metro e usar máscara durante todo o evento. Nos locais do festival foi ainda afixado o Código de Local para permitir aos visitantes acederem à aplicação de telemóvel do Código de Saúde de Macau para registar o seu percurso. A DST acompanha de perto a situação pandémica para colaborar de forma activa com as respectivas orientações emitidas pelos Serviços de Saúde e proceder às medidas relacionadas em tempo oportuno.

A DST continuará a aprofundar a integração intersectorial “turismo +” e a desenvolver activamente a economia de turismo comunitário. No futuro, continuar-se-á a apresentar actividades diversificadas e apelativas, para proporcionar aos visitantes uma experiência turística enriquecedora.

 

Actualizada: 04/12/2021