Home | | Opiniões ou Questões | Contacte-nos | Intranet | Email Login
Font size A | A | A

 Nota de Imprensa Imprimir



2021 -06 -18 [Voltar]
Macau junta-se a celebrações do Dia da Gastronomia Sustentável com vídeo sobre preservação da culinária macaense


Directora da DST, Maria Helena de Senna Fernandes, aborda o seu ponto de vista sobre gastronomia sustentável e esperança para a comida macaense

Chefe do Restaurante Educacional do IFTM, Hans Lee Rasmussen, assinala que sustentabilidade requer também a implementação de sistemas para que as tradições continuem

Chefe Florita Alves refere que o mais difícil é preservar o sabor macaense

Jovem chefe Otília Novo diz que para inovar é preciso primeiro compreender a cultura

Vídeo sobre “Dia da Gastronomia Sustentável 2021 – Preservação da Cozinha Macaense” divulgado hoje online

“Dia da Gastronomia Sustentável 2021 – Preservação da Cozinha Macaense”

 

Enquanto Cidade Criativa da UNESCO em Gastronomia, Macau volta a juntar-se ao resto do mundo para assinalar o Dia da Gastronomia Sustentável, celebrado hoje (dia 18). Este ano, a Direcção dos Serviços de Turismo (DST) marca a data com a disseminação de um vídeo de sensibilização sobre o âmbito da gastronomia sustentável, sobretudo em relação à preservação da cozinha macaense, parte da herança cultural e gastronómica única de Macau.

 

Intitulado “Dia da Gastronomia Sustentável 2021 – Preservação da Cozinha Macaense”, o vídeo inclui testemunhos da directora da DST, Maria Helena de Senna Fernandes, do chefe do Restaurante Educacional do Instituto de Formação Turística de Macau, Hans Lee Rasmussen, das chefes macaenses Florita Alves e Otília Novo, a par com estudantes aspirantes a chefes, que partilham os seus pontos de vista sobre gastronomia sustentável e a sua opinião sobre como manter a cozinha macaense relevante para as futuras gerações. Produzido pela DST em parceria com a Macao News, o vídeo está a ser divulgado nas páginas electrónicas dos dois lados, a par com as suas contas oficiais e nas plataformas das redes sociais, entre outros canais, incluindo em: https://www.macaotourism.gov.mo/en/videogallery/1829. O vídeo apresentado hoje é o culminar dum trabalho que inclui também dois vídeos e artigos relacionados, difundidos pela Macao News desde finais de Maio passado, em preparação para o Dia da Gastronomia Sustentável deste ano.

 

Pela sua combinação, ao longo de séculos, das cozinhas chinesa e portuguesa, e incorporação de sabores de África, Índia e Sudeste Asiático, a comida macaense reflecte a história singular de Macau. Assegurar a preservação da cozinha macaense como parte da identidade cultural da cidade tem sido uma das principais tarefas do plano de trabalho para o desenvolvimento de Macau como Cidade Criativa de Gastronomia. Um projecto de relevo conduzido para preservar este património de mais de 400 anos é a Base de Dados da Cozinha Macaense, lançada em Novembro do ano passado, com uma colecção de receitas, manuscritos, livros e publicações relacionados. A gastronomia macaense faz parte da Lista do Património Cultural Intangível de Macau desde 2012 e, na semana passada, foi adicionada à Lista Nacional de Património Cultural Intangível.

 

No seguimento duma deliberação da Assembleia Geral das Nações Unidas em Dezembro de 2016, o Dia da Gastronomia Sustentável tem sido assinalado como uma convenção internacional em cada ano a 18 de Junho, com o objectivo de aumentar a consciencialização do público sobre o papel que a gastronomia sustentável pode desempenhar para ajudar a alcançar a implementação da Agenda 2030 da ONU para o Desenvolvimento Sustentável. Macau tem assinalado todos os anos o Dia da Gastronomia Sustentável, na sequência da designação como Cidade Criativa da UNESCO em Gastronomia a 31 de Outubro de 2017.

Actualizada: 18/06/2021