Direcção dos Serviços de Turismo

 Nota de Imprensa
2019 -12 -10
4.° Festival Internacional de Cinema e Cerimónia de Entrega de Prémios.Macau anuncia premiados – Embaixadoras-estrelas Juliette Binoche e Carina Lau na passadeira vermelha do encerramento do evento (Fonte: Comissão Organizadora do Festival Internacional de Cinema e Cerimónia de Entrega de Prémios.Macau)


4.° IFFAM fechou hoje o pano

Presidente da comissão organizadora do IFFAM (em representação do Secretário para os Assuntos Sociais e Cultura), Maria Helena de Senna Fernandes, entrega Prémio de Carreira “Espírito do Cinema” à famosa realizadora do Interior da China, Li Shaohong

Directora da DST e presidente da comissão organizadora do IFFAM, Maria Helena de Senna Fernandes, discursa na cerimónia de entrega de prémios

“Give Me Liberty” vence Prémio de Melhor Filme na secção de Competição Internacional

“Dwelling In The Fuchun Mountains” vence Prémio de Melhor Filme na secção de Novo Cinema Chinês

Embaixador do festival, Wang Xiaoshuai, recebe símbolo de apreço da organização do festival

Embaixadora-estrela do festival, Juliette Binoche, recebe símbolo de apreço da organização do festival

Embaixadora-estrela do festival, Carina Lau, recebe símbolo de apreço da organização do festival

O 4.° Festival Internacional de Cinema e Cerimónia de Entrega de Prémios.Macau (International Film Festival & Awards.Macao - IFFAM) encerrou hoje (dia 10), com uma cerimónia de entrega de prémios realizada no Centro Cultural de Macau. A cerimónia contou com a presença de centenas de convidados, incluindo realizadores, estrelas de cinema e profissionais da indústria cinematográfica de renome a nível internacional, entre outros. Esta edição do festival apresentou ao público um leque de 50 filmes e seis curtas-metragens, dos quais 10 longas-metragens a concorrerem a cinco prémios da secção de Competição Internacional do IFFAM, sete a integrarem a secção de competição do Novo Cinema Chinês que inclui outros cinco prémios, e ainda o Prémio da NETPAC (Network for the Promotion of Asian Cinema - Rede de Promoção do Cinema Asiático), entre outros galardões, cujos vencedores foram anunciados na cerimónia de entrega de prémios desta noite. O festival fechou o pano com o filme de encerramento “I’m Livin’ It”, de Hong Kong.

 

A cerimónia de entrega de prémios contou com a presença dos convidados: o Chefe do Gabinete de Estudos das Políticas do Comissariado do Ministério dos Negócios Estrangeiros da RPC na RAEM, Ran Bo; a directora da Direcção dos Serviços de Turismo (DST) e presidente da comissão organizadora do 4.° IFFAM, Maria Helena de Senna Fernandes; o vice-presidente executivo da Comissão Organizadora do IFFAM e presidente da Associação de Cultura e Produções de Filmes e Televisão de Macau, Alvin Chau; os três vice-presidentes da Comissão Organizadora do IFFAM – os subdirectores da DST, Cheng Wai Tong e Ricky Hoi, e o vice-presidente do Instituto Cultural, Chan Kai Chon; a presidente do Conselho da Associação de Cultura e Produções de Filmes e Televisão de Macau e secretária-geral da Comissão Organizadora do IFFAM, Alice Augusto; o director artístico do IFFAM, Mike Goodridge; a chefe de gestão do IFFAM, Lorna Tee; a chefe do Gabinete da Indústria do IFFAM, June Wu; a par com realizadores de renome internacional, estrelas de cinema, e outros profissionais da indústria cinematográfica, entre centenas de convidados oriundos de todo o mundo, que pisaram a passadeira vermelha e participaram na ocasião. Como mestres de cerimónia, a ocasião contou com as celebridades e apresentadores de Hong Kong, Timmy Hung, King Kong e Astrid Chan.

 

A lista de convidados proeminentes que participou na cerimónia de entrega de prémios incluiu também: o presidente do júri da secção de Competição Internacional do IFFAM, Peter Chan Ho-sun, acompanhado dos restantes membros do júri, Ellen Eliasoph, Dian Sastrowardoyo, Midi Z e Tom Cullen; o presidente do júri da secção do Novo Cinema Chinês do IFFAM, Cristian Mungiu, e os membros do júri, Kirsten Tan, Noah Cowan (antigo director executivo do Festival Internacional de Cinema de São Francisco)e Qiu Yang; os três membros do júri da NETPAC (Network for the Promotion of Asian Cinema - Rede de Promoção do Cinema Asiático) - Ahmed Shawky (director artístico adjunto do Festival Internacional de Cinema do Cairo), Soudade Kaadan e Wang Yao. O embaixador do IFFAM, Wang Xiaoshuai, e as duas embaixadoras-estrela, Juliette Binoche e Carina Lau, também estiveram presentes.

 

Vários convidados marcaram ainda presença na ocasião: o director executivo do Festival de Cinema de Jerusalém, Noa Regev; a directora do Festival de Cinema do Leste Asiático de Londres, Hye-Jung Jeon; e o director artístico do Festival Internacional de Cinema de Busan, Jay Jeon. Pela passadeira vermelha passaram também: a actriz em foco, Zhou Dongyu, os actores premiados como Melhor Actor e Actriz da Ásia, Aaron Kwok e Miriam Yeung, a estrela de cinema coreano em ascensão, Lim Yoon A, o famoso actor do Interior da China, Zhang Hanyu, entre muitas outras estrelas, que foram alvo da atenção de órgãos de comunicação social.

 

Na ocasião, a presidente da comissão organizadora do IFFAM, Maria Helena de Senna Fernandes, referiu que: “O cinema tem o poder de fazer parar o tempo ou de avançar cem anos em poucos minutos, de contar histórias verídicas e imaginárias, de fazer o público rir e chorar. Chegámos à recta final do 4.° Festival Internacional de Cinema e Cerimónia de Entrega de Prémios.Macau. Em seis dias partilhámos com o público mais de 50 películas fruto do trabalho árduo de cineastas de todo o mundo, e testemunhámos através do Intercâmbio para a Indústria Cinematográfica novos projectos de filmes preparados activamente pelas suas equipas de produção.” A responsável disse ainda que: “Macau é uma cidade criativa, de portas abertas para encetar cooperação em diferentes áreas, queremos explorar as possibilidades ilimitadas do mundo do cinema com a indústria cinematográfica de todo o mundo e em conjunto criar novas oportunidades.”

 

Durante a cerimónia de entrega de prémios, o embaixador, Wang Xiaoshuai, e as embaixadoras-estrela, Juliette Binoche e Carina Lau, receberam símbolos de apreço entregues pela organização.

 

Revelada a lista de premiados da secção de Competição Internacional

Integraram a Competição Internacional deste ano os 10 filmes: “Bellbird”, “Bombay Rose”, “Buoyancy”, “Family Members”, “Give Me Liberty, “Goldie”, “Homecoming”, “Lynn + Lucy”, “Two of Us” e “Two/One”. As 10 longas-metragens concorreram aos cinco prémios da secção decididos pelo júri, e ao prémio votado pelo público, o Prémio do Público de Macau.

 

Melhor Filme: “Give Me Liberty” (entregue pelo presidente do júri da secção de Competição Internacional, Peter Chan Ho-sun)

Melhor Realizador: Fyzal Boulifa, “Lynn + Lucy” (entregue pela membro do júri da secção de Competição Internacional, Ellen Eliasoph)

Melhor Actriz: Roxanne Scrimshaw, “Lynn + Lucy” (entregue pelo membro do júri da Competição Internacional, Tom Cullen)

Melhor Actor: Sarm Heng, “Buoyancy” (entregue pela membro do júri da secção de Competição Internacional, Dian Sastrowardoyo)

Melhor Argumento: Hamish Bennett, pelo argumento de “Bellbird” (entregue pelo membro do júri da secção de Competição Internacional, Midi Z)

Prémio do Público de Macau: “Buoyancy” (entregue pelo embaixador do IFFAM, Wang Xiaoshuai)

 

Novo Cinema Chinês bastante competitivo

A outra secção de competição do festival, o Novo Cinema Chinês, contou com sete filmes: “Better Days”, “Dwelling In The Fuchun Mountains”, “Lucky Grandma”, “To Live To Sing”, “Wet Season”, “Wisdom Tooth” e “Over The Sea”, concorrentes a prémios em cinco categorias.

 

Melhor Filme: “Dwelling In The Fuchun Mountains” (entregue pelo presidente do júri da secção do Novo Cinema Chinês, Cristian Mungiu)

Melhor Realizador: Anthony Chen, “Wet Season” (entregue por Aaron Kwok e Miriam Yeung)

Melhor Actriz: Zhou Dongyu, “Better Days” (entregue pelo membro do júri da secção do Novo Cinema Chinês e antigo director executivo do Festival Internacional de Cinema de São Francisco, Noah Cowan)

Melhor Actor: Xiaoliang Wu, “Wisdom Tooth” (entregue pela embaixadora-estrela do IFFAM, Carina Lau)

Melhor Argumento: Johnna Ma, pelo argumento de “To Live To Sing” (entregue pelos membros do júri da secção do Novo Cinema Chinês, Kirsten Tan e Qiu Yang)

 

Vários outros galardões foram também entregues durante a cerimónia para distinguir filmes e profissionais de cinema com desempenho excepcional, incluindo à famosa realizadora do Interior da China, Li Shaohong. Formada no Departamento de Realização da Academia de Cinema de Pequim, Li Shaohong começou a trabalhar como realizadora a partir de 1983, ganhando notoriedade com a direcção do seu primeiro filme de suspense, ao longo da sua carreira esteve por trás da realização de várias películas aclamadas e premiadas internacionalmente, como “Bloody Morning”, “Blush”, “Stolen Life”, entre outras, tendo dirigido também várias séries de televisão populares. “A City Called Macao”, que contou a sua direcção, foi exibido na secção de Apresentações Especiais do IFFAM. Durante a cerimónia de encerramento, Li Shaohong foi agraciada com o Prémio de Carreira “Espírito do Cinema”, entregue pela presidente da comissão organizadora do IFFAM (em representação do Secretário para os Assuntos Sociais e Cultura), Maria Helena de Senna Fernandes.

 

Por outro lado, “To Live To Sing” recebeu o Prémio NETPAC (Network for the Promotion of Asian Cinema - Rede de Promoção do Cinema Asiático, entregue pelos três membros do júri da NETPAC, Soudade Kaadan, Ahmed Shawky e Wang Yao). O filme coreano “Parasite” recebeu o Prémio de Filme Sucesso de Bilheteira Asiático de 2019 (entregue pela embaixadoras-estrela, Juliette Binoche). O Prémio das Próximas Estrelas Asiáticas da Variety distinguiu ainda oito actores: Lim Yoona (Coreia), Bea Alonzo (Filipinas), Jennis Oprasert (Tailândia), Praewa Suthamphon (Tailândia), Bhumi Pednekar (Índia), Lien Binh Phat (Vietname), Ryota Katayose (Japão) e Asmara Abigail (Indonésia) (entregues pelo editor da revista americana Variety para a Ásia, Patrick Frater, e pela chefe de gestão do IFFAM, Lorna Tee). Outros prémios incluíram ainda: o Prémio Críticos Cinéfilos para o Novo Cinema Chinês, ganho por “Wet Season” (entregue pelo vice-presidente de Comunicação e Marketing de Conteúdo da Sands China Ltd., Jeffrey Jiang, e pelo presidente e director executivo de MGM China Holdings Limited, Grant Bowie); e o Prémio Críticos Cinéfilos para o Melhor Filme de Macau das Apresentações Especiais para o 20.° Aniversário da RAEM , atribuído a “Years of Macao” (entregue pelo assessor da Galaxy Entertainment Group, Jorge Neto Valente, pela vice-presidente sénior de Comunicação do Wynn Macau e Wynn Palace, Katharine Liu, e pela vice-presidente sénior das Relações Cooperativas e da Comunidade do Grupo Suncity, Gina Lei).

 

Melhor da secção de Competição de Curtas

A secção Competição de Curtas lançada pela primeira vez nesta edição do IFFAM, incluiu um selecção de quatro curtas-metragens: “Little Red Riding Hood”, “Lonely Encounter”, “Nocturne” e “Room 13”, com o Prémio de Melhor Curta-metragem, já entregue há dias, ganho por “Lonely Encounter”, dirigido por um jovem de Macau a estudar em Hong Kong.

 

Desde a primeira edição do festival de cinema, realizada em 2016, a Comissão Organizadora do IFFAM tem-se empenhado em criar oportunidades de intercâmbio a nível mundial para as indústrias culturais e criativas de Macau, tem movido esforços para o festival chegar à ribalta internacional, tornando-se mundialmente conhecido, impulsionando em simultâneo a diversificação e o desenvolvimento sustentável da indústria turística de Macau.

 

Mais detalhes sobre o 4.° IFFAM em: http://www.iffamacao.com/

Actualizada: 10/12/2019